Saber dizer não pode ser o melhor negócio.

Saber dizer não pode ser o melhor negócio.

Um sábio disse certa vez no tocante a emprestar o nome para um crediário:

“Olha só, se o valor da parcela for algo que eu possa pagar, caso a pessoa a qual emprestarei meu nome não pague, talvez eu empreste meu nome, agora se o valor da parcela eu não poder pagar, ai com certeza eu direi não.”

 

Em tempos de crise a moeda mais importante e que pode fazer a diferença entre o consumir algo ou não pode estar no seu Nome. Quem empresta o nome e não tem a conta paga pelo devedor acaba arcando com a dívida e pode ser acionado judicialmente ficando o nome sujo e sem direito a crédito. Uma pesquisa divulgada em 2016 pelo Serviço de Proteção ao Crédito (SPC) e pela Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas (CNDL) apontou que, a cada dez brasileiros, pelo menos quatro já pediram o nome emprestado a outra pessoa para fazer uma compra no comércio a crédito.

Quem mais solicitou a medida foram as mulheres (43,9%), principalmente das classes C, D e E (42,7%).

Ainda segundo o levantamento, a maioria (91,1%) dos entrevistados confirmou que tem pagado em dia as prestações das compras, porém há quem já passou por uma dor de cabeça daquelas por ter emprestado o nome. “Já vivi casos positivos e negativos e eram sempre com pessoas de confiança” afirmou uma das entrevistadas na pesquisa.

Os dados apresentados pelo SPC e CNDL ainda mostraram que a maioria avisou a quantia que seria usada (79,6%), mas houve aqueles que não avisaram (15,9%) e até que usaram acima do valor firmado no acordo (6,1%). Para o estudo, os pesquisadores ouviram 674 consumidores, ambos os sexos, acima dos 18 anos.

 

Por isso é extremamente recomendável que proteja o seu nome não o emprestando, mais o que dizer para a pessoa que você gosta e queria ajudar? Oriente buscar ajuda para limpar o próprio nome, pois assim você a ajudará de duas formas, primeiro por que a orientou para limpar o próprio nome e depois porque ela terá o próprio nome para fazer uso nos crediários futuros e isso além de resolver o problema principal também trará de volta o que os brasileiros mais desejam sua dignidade.

O Poupa Juros tem para você uma equipe especializada para ajudar você negociar suas dívidas e ainda pagar juros baixos.

Procure o Poupa Juros.

Deixe uma resposta